sexta-feira , 23 abril 2021
Capa / /
23/04/2021
Legisladora reforça a necessidade de Criação de Brigada Florestal Rural contra Incêndios em Cáceres/MT
QUEIMADAS
Por: ASSESSORIA

 

 

 

 

combate-ao-fogo-no-Pantanal-de-Miranda

 

 

 

 

A vereadora Professora Mazéh Silva teve aprovado em plenário Requerimento que solicita do executivo municipal informações sobre a tramitação do Projeto de Lei que institui e regulamenta criação da Brigada Florestal Rural contra incêndios no Município de Cáceres, MT.  

 

Na atividade de proteção aos incêndios florestais uma brigada trabalha, principalmente, em três frentes que são prevenção, monitoramento e combate.  Entende-se como ações de prevenção, o conjunto de tarefas a serem executadas dentro das áreas mais vulneráveis, que venham a minimizar os riscos de ocorrências de incêndios, por exemplo: a construção e manutenção de aceiros, operação de sistemas de vigilância e detecção, monitoramento terrestre, estabelecimento de calendários de queima com os produtores rurais, (sensibilização) e um trabalho permanente de educação ambiental da população, entre outras iniciativas.  

 

Os incêndios florestais e as queimadas interferem no ciclo hidrológico, tanto por impedir a redução da velocidade e a força do impacto das gotas d’água no solo, papel das plantas queimadas, quanto por provocar o endurecimento e a impermeabilização do solo, o que reduz a infiltração e aumenta a velocidade de escoamento das águas, provocando enxurradas que causam erosão, inundações, perdas de vidas humanas e prejuízoseconômicos.   

 

 

 

 

 

Arquivo

Arquivo

 

 

 

 

 

O Pantanal registrou 2.534 focos de incêndio no primeiro semestre de 2020, um aumento de 158% em relação ao mesmo período de 2019, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Análises do Instituto Centro de Vida, focado somente na porção do Pantanal situada no estado de Mato Grosso, apontam para um aumento de 530% no número de focos de calor no primeiro semestre deste ano em comparação com os seis primeiros meses do ano anterior (2019). Mais da metade das áreas em chamas se concentra em propriedades privadas na área rural. 

 

Sendo Cáceres um município que une diferentes biomas, sobretudo Pantanal e Cerrado que são mais susceptíveis ao fogo, a criação de uma brigada permanente contra incêndios é de extrema importância para a preservação e conservação do meio ambiente local. “Considerando os dados do Inpe e do Instituto Centro de Vida, dados estes alarmantes sobre o avanço do fogo no Pantanal, entendemos que a criação imediata de uma Brigada Florestal Rural contra incêndios e garantir sua operacionalidade é de suma importância para evitar tragédias ainda piores ao nosso ambiente”, pondera a parlamentar Mazéh Silva. 

 

 

.

 

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Publicidade