AGILIDADE

0
36

 

INDICAÇÃO

Câmara cobra aprovação

de  projeto que prevê

instalação de novos

terminais eletrônicos do

Banco do Brasil em Cáceres

banco do brasil
Caixa Eletrônico agiliza atendimentos

Assessoria

Por iniciativa do vereador Edmilson Campos (Café no Bule) o Legislativo Cacerense aprovou indicação assinada pelos 11 vereadores de Cáceres cobrando do superintendente do Banco do Brasil no Estado de Mato Grosso Sérgio Luiz Cordeiro de Oliveira que aprove projeto elaborado pela gerência da agência local da instituição que tem como objetivo a instalação de um Posto de Auto Atendimento com 15 caixas eletrônicos e a instalação de pelo menos 5 caixas eletrônicos em pontos estratégicos do município.

Para o vereador Café no Bule autor da chamada Lei das Filas cujo objetivo é agilizar o atendimento bancário a aprovação do projeto será de fundamental importância para diminuir as filas, segundo o parlamentar, principalmente nos dias de pagamentos salariais dos servidores públicos, aposentados e pencionistas.

“O que vem acontecendo na agência do Banco do Brasil, uma das instiuições que mais lucra no país, é caso de polícia. Não tenho dúvida que a locação de um imóvel onde serão instalados 15 terminais eletrônicos e também a instalção de 5 caixas eletrôncos espalhados pela cidade vai amenizar o sofrimento das pessoas” destaca Café no Bule.

Segundo o vereador Edmilson Campos a partir de 2005 quando foi regulamentada a Lei das Filas em Cáceres já houveram alguns avanços que merecem ser destacados. O vereador lembra que na época da criação da lei  o município contava com apenas duas Casas Lotéricas. Hoje são seis espalhadas pela cidade e as agências bancárias não ofereciam sequer assento para seus usuários que eram obrigados a aguardarem o atendimento em pé.

Café no Bule também destaca a abertura da segunda agência da Caixa Econômica Federal ocorrida no início deste ano, após muitas cobranças inclusive do Sindicato dos Bancários junto a superintendência estadual da instituição, bem como, a instalação de um terminal eletrônico em frente ao Hospital Regional.

“Enquanto representante do povo Cacerense e autor da Lei das Filas vou continuar lutando enquanto eu tiver um dia sequer de mandato até que a alta cúpula do Banco do Brasil em nosso estado tome as medidas cabíveis a fim de garantir atendimento ágil e digno aos cidadãos que precisam dos serviços da instituição” concluiu Café no Bule.

O documento assinado pelos 11 vereadores que compõe o Legislativo Cacerense foi encaminhado a Superintendência do Banco do Brasil de Mato Grosso nesta quarta-feira (16.09). O projeto elaborado pela gerência local da instituição deverá ser analisado no início do mês que vem.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui