spot_imgspot_img

POPULISMO

‘Ao veicular informações

não oficiais, Vereador

pratica o populismo’

O prefeito Francis Maris afirmou que julga irresponsável veicular “informações extra-oficiais” com destaque “de que a administração municipal através da Secretaria de Educação teria contratado empresa inidônea para reforma de escolas em Cáceres.” A matéria refere-se ao processo de adesão do Município de Cáceres a um procedimento licitatório realizado no município de Várzea Grande. O apontamento do Tribunal de Contas é relativo ao processo principal de licitação do Município de Várzea Grande e somente por via indireta, em tese poderia alcançar a adesão realizada pelo município de Cáceres.

O Objeto da contratação do município de Várzea Grande é um e o objeto do Contrato desta cidade é para execução de obras em Cáceres, segundo planilha, cronograma, medição e fiscalização do departamento de obras da Secretaria de Educação deste município.

Apenas 02 (dois) contratos é que foram assinados com a empresa Carneiro & Carvalho Construtora para a reforma das Escolas Isabel Campos e D. Máximo.

As execuções das obras estão em fase conclusiva. Não há nada irregular no cronograma de nenhum dos contratos em curso e, naturalmente, se as cautelas costumeiras sempre existiram por parte da administração local, com maior razão as cautelas serão redobradas no interesse do serviço público.

Trabalhador fazendo pintura no muro da Escola  Municipal ‘Izabel Campos’
Trabalhador fazendo
pintura no muro
da Escola Municipal
‘Izabel Campos’

Neste sentido, é esclarecedor afirmar que medidas já foram adotadas notificando a empresa Carneiro & Carvalho Construtora, cobrando explicações detalhadas sobre a legalidade do certame no que diz respeito às eventuais glosas do TCE. Não havendo resposta satisfatória, providências imediatas serão adotadas e, enquanto isso não aconteça, não serão assinados novos contratos individuais de reforma das demais escolas do município, que ainda estão no cronograma de trabalho da pasta, visando à melhoria das escolas municipais para o atendimento público.

Após ouvir detalhadamente a secretária municipal de Educação, Nelci Longhi, o assessor especial do Gabinete do Prefeito explicou o procedimento a ser esclarecido em relação ao vereador líder da oposição Edmilson Campos.

O prefeito Francis Maris foi taxativo ao afirmar que qualquer alarde “extra-oficial” não tem o menor sentido, e mais uma vez afirmou que o vereador deveria se embasar antes de sair alardeando notícias. “A administração está de portas abertas e pronta a prestar qualquer esclarecimento”-concluiu.

fonte assessoria

Get in Touch

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Related Articles

spot_img

Get in Touch

22,463FãsCurtir
2,941SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Latest Posts