Polícia Civil: Operação nacional de combate à violência contra idosos

0
31

Em Mato Grosso, as ações iniciaram no dia 15 de outubro e encerram nesta quinta-feira (18.11)com a realização de diversos procedimentos ligados a defesa da pessoa idosa

A Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Delegacia Especializada de Delitos Contra a Pessoa Idosa (DEDCPI) de Cuiabá e Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG), deflagraram na manhã desta quinta-feira (18.11), a operação Vetus II, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) em combate aos crimes de violência contra o idoso.

A operação de âmbito nacional, ocorre nos 26 estados da federação e no Distrito Federal, sendo a data de 18 de novembro considerado o dia “D”, para o desenvolvimento de ações em todo país.

Em Mato Grosso, as ações iniciaram no dia 15 de outubro com a realização de diversos procedimentos ligados a defesa da pessoa idosa, como instauração e conclusão de inquéritos e medidas protetivas. Nesta quinta-feira (18), são realizadas checagens de denúncias anônimas e feita incursões em dois Institutos de Longa Permanência de Idosos (ILPI). O Conselho Municipal do Idoso acompanha as dilgiências.

 Em Cuiabá, são sete representações de medidas cautelares de afastamento do lar, e quatro medidas protetivas de urgência da Lei Maria da Penha (quando a vítima é idoso e o agressor é do sexo masculino) para vítimas idosas que sofrem maus-tratos.

A Delegacia da Pessoa idosa de Cuiabá também realizou a checagem de 105 denúncias anônimas feitas pela 197 e Disque 100, atendeu 195 vítimas, nove idosos resgatados, 159 diligências policiais, três autos de prisão em flagrante lavrados, três pessoas presas, um Boletim Circunstanciado de Ocorrência (BOC) lavrado, 29 inquéritos concluídos, 94 inquéritos instaurados, 11 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) lavrados.

Em Várzea Grande os trabalhos resultaram em um mandado de busca e apreensão cumprido, 28 denúncias apuradas do 197 e Disque 100, 72 vítimas atendidas, 48 diligências policiais realizadas, 15 inquéritos concluídos, 15 inquéritos instaurados e 13 TCOs lavrados.

Segundo o delegado da DEDCPI de Cuiabá, Vitor Chab Domingues, é uma operação de grande visibilidade, uma vez que atende o público hipervulnerável que é a pessoa idosa.

“A operação mostra que os idosos merecem toda atenção especial por parte das Polícias Judiciárias, o que nos dá a certeza que muito em breve as políticas públicas serão aplicadas a esse público, como hoje são aplicadas às mulheres, crianças, adolescente e público LGBTQIA+”, disse o delegado.

Camila Molina/Polícia Civil-MT.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui