DEBANDADA

0
1

COMPLICADO

PDT e PSD,

crise e esvaziamento

pdt

RDNews

Dois partidos, que poderiam se consolidar como as principais siglas de Mato Grosso, caminham para o despenhadeiro. O PDT, comandado pelo deputado Zeca Viana deve perder o governador Pedro Taques. A situação da legenda é cada vez mais complicada porque Zeca, ao invés de aglutinar, tem azedado a relação com outras lideranças, como o deputado Leonardo Albuquerque, que já cogita deixar a sigla. Com isso, a tendência é que a sigla sofra um processo de esvaziamento. O PSD, que comanda o maior número de prefeituras em Mato Grosso (39), também corre o risco de se tornar nanico. Neste caso, a crise começou após o cacique, ex-presidente da Assembleia, José Riva, sair de cena. Riva, deixou a vida pública no início do ano, foi preso duas vezes e enfrenta uma situação delicada. Neurilan Fraga, prefeito de Nortelândia e presidente da AMM, assumiu o comando do PSD, mas tem dificuldade de articulação, por isso, corre o risco de não evitar a debandada na legenda.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui