Médico, Deputado Federal Dr. Leonardo comemora aprovação do piso nacional da enfermagem

0
138

Salário inicial para os enfermeiros será de R$ 4.750,00 a ser pago nacionalmente pelos serviços de saúde públicos e privados

ASSESSORIA

Ocoordenador da Bancada Federal de Mato Grosso, o médico e deputado federal Dr. Leonardo (Republicanos), comemorou a aprovação do piso nacional dos profissionais da enfermagem, na sessão desta quarta-feira (04/05), na Câmara Federal, em Brasília. Ao todo, foram 449 votos a favor e 12 contrários, e agora a matéria vai à sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Dr. Leonardo votou a favor da aprovação do Projeto de Lei 2564/2020, que define um piso para os enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem e parteiras. Ele afirmou que a aprovação representa uma grande valorização profissional da categoria.

DEPUTADO DR LEONARDO VOTOU EM FAVOR DOS ENFERMEIROS E TAMBÉM VOTOU A FAVOR DA URGÊNCIA DO PROJETO DE LEI 11.147/2018

“Os profissionais da enfermagem precisavam desta valorização. Eles cuidam das famílias brasileiras e precisavam, sim, deste reconhecimento nacional que vai garantir um salário mais digno”, afirmou o deputado Dr. Leonardo.

O deputado também destacou a importância dos profissionais durante o pico da pandemia de Covid-19. “Os profissionais da enfermagem são guerreiros e guerreiras que, no momento mais crítico da pandemia, atuaram com muita dedicação, resiliência e coragem cuidando das nossas famílias nos hospitais”, afirmou. “Temos que valorizar esta categoria sempre, ainda mais se pensarmos que 830 enfermeiros morreram durante a pandemia buscando salvar vidas”, destacou.

Piso nacional

De acordo com a proposta, o salário inicial para os enfermeiros será de R$ 4.750,00 a ser pago nacionalmente pelos serviços de saúde públicos e privados. O texto prevê ainda a atualização monetária anual do piso da categoria com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Nos demais casos, haverá a proporcionalidade na remuneração: 70% do piso dos enfermeiros para os técnicos de enfermagem; e 50% para os auxiliares de enfermagem e as parteiras.

Nos demais casos, haverá a proporcionalidade na remuneração: 70% do piso dos enfermeiros para os técnicos de enfermagem; e 50% para os auxiliares de enfermagem e as parteiras.

A favor dos autistas

Na sessão de hoje, o deputado Dr. Leonardo também votou a favor da urgência do Projeto de Lei 11.147/2018 que torna obrigatória a inclusão do símbolo mundial da conscientização do transtorno do espectro autista em todas as placas de sinalização de prioridade presentes em estabelecimentos abertos ao público, transportes, repartições públicas e outros.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui