PRONTO SOCORRO

0
4

Servidores do PAM

entram em greve

PRONTO ATENDIMENTO MUNICIPAL ESTÁ COM AS PORTAS FECHADAS
PRONTO ATENDIMENTO MUNICIPAL ESTÁ COM AS PORTAS FECHADAS

O atendimento a saúde em Cáceres não evoluiu na atual gestão municipal e a prova disso é que os servidores do Pronto Atendimento Médico (PAM) deflagraram um movimento grevista hoje, 26, por conta da total falta de condições de trabalho.

O secretário de Saúde. Wilson Kishi e o Ministério Público Estadual (MPE) foram notificados da decisão. Veja abaixo a cópia do documento endereço ao secretário com as reivindicações da categoria:

Ao Senhor
Secretário Municipal de Saúde
WILSON MASSASHITO KISHI
Cáceres-MT.

Ofício Circular nº 001/2014/PAM
Cáceres-MT, 24 de setembro de 2014.

Prezado (a) Senhor (a),

SECRETÁRIO DE SAÚDE, WILSON KISHI
SECRETÁRIO DE SAÚDE, WILSON KISHI

Aos cordiais cumprimentos, comunicamos que em virtude da situação de calamidade que o Pronto Atendimento Médico-PAM vem enfrentando nesses últimos meses em reunião interna realizada entre os funcionários do PAM foi deliberado que os mesmos estarão paralisando os serviços que tem sido oferecido à população, a partir do dia 26/09/2014 (sexta-feira) permanecendo somente o atendimento de urgência e emergência.
Informamos que segue abaixo descritos as pautas de reivindicações;
• Segurança;
• Materiais de limpeza, específico para higiene hospitalar (desinfecção);
• Água potável para beber (copo descartável, papel toalha, suporte aéreo de sabão liquido);
• Insalubridade;
• Climatização e iluminação adequada conforme normas estabelecidas em lei;
• Medicamento e materiais hospitalares; e
• Condições de Biossegurança.

Respeitosamente.

Servidores do Pronto Atendimento Médico-PAM.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui